Coluna do blog deste sábado

Lula Cabral mostra por quê derrotou Betinho Gomes em três ocasiões no Cabo 

A briga política entre os grupos de Lula Cabral e Elias Gomes não é de hoje, vem de muitos anos e pode ser considerada uma das maiores rivalidades da política pernambucana. Nas últimas três eleiçōes do Cabo de Santo Agostinho pela prefeitura, Lula impôs derrotas significativas a Betinho Gomes, diretamente em 2008 e 2016 e indiretamente em 2012, quando apoiando Vado da Farmácia, derrotou Betinho por expressiva margem.

A liderança política de Elias Gomes é indiscutível, pois ninguém consegue governar dois municípios importantes em quatro ocasiões se não tiver capacidade de aglutinar pessoas. Diferentemente do pai, Betinho Gomes é um político sem brilho e extremamente desagregador, sendo rejeitado por nove em cada dez políticos pernambucanos. Uma prova cabal de que Betinho é egoísta foi recentemente ter abandonado o irmão Elias Gomes Filho, que chegou a postar nas redes sociais que estava passando por necessidades financeiras, e o irmão que tem um salário de deputado federal foi incapaz de garantir o básico para que ele saísse desta situação.

Bastava uma ligação de Betinho Gomes, que Elias Filho provavelmente estaria empregado seja numa prefeitura aliada ou em alguma empresa, uma vez que é bastante comum que vereadores e deputados façam cartas de recomendação para alguém. Porém Betinho fez ouvido de mercador, deixando o irmão ao léu.

Procurado por Elias Filho, o prefeito do Cabo de Santo Agostinho Lula Cabral não se preocupou com o sobrenome e o parentesco dele. Apenas teve a capacidade de se colocar no lugar do outro e nomeou Elias Filho num cargo na prefeitura dando-lhe a dignidade necessária para que ele tocasse sua vida. Um gesto como o de Lula era esperado de qualquer pessoa, porém surpreende partir do maior adversário de Betinho, e explica o porquê de Lula governar o Cabo por três vezes e Betinho sempre acabar morrendo na praia.

Quem se prontifica a entrar para a política tem que ter a nítida responsabilidade que a vida pública lhe impõe, que dentre outras coisas, é de ajudar as pessoas, não com o assistencialismo barato, mas sim permitindo-lhes a dignidade. Se Betinho foi incapaz de ajudar o irmão, sangue do seu sangue, com um simples eleitor ele não deve sequer lhe respeitar. Deve ser por isso que ele é um ex-deputado em atividade.

André de Paula – A respeito da nota sobre a possibilidade de Rodrigo Novaes ser candidato a vice-governador na chapa de Paulo Câmara, um conhecedor dos bastidores da política afirma que o PSD deve mesmo ficar com a vaga, mas o nome seria o do deputado federal André de Paula. Rodrigo Novaes seria candidato a deputado federal no lugar do presidente estadual do PSD.

Paraguai – A seleção paraguaia de Beach Soccer, após articulação do deputado estadual Beto Accioly (PSL), realizará sua pré-temporada para o Mundial Fifa, que ocorrerá nas Bahamas, em Pernambuco, mais precisamente na cidade de São José da Coroa Grande, que é governada pelo prefeito Pel Lages (PEN).

André Siqueira – O empresário André Siqueira esteve recentemente em Brasília acompanhando o prefeito de Serra Talhada Luciano Duque em agenda com o ministro da Saúde Ricardo Barros. André foi candidato a vice-prefeito de Olinda em 2016 na chapa de Izabel Urquiza e hoje apoia o prefeito Professor Lupércio.

Desejo – O senador Armando Monteiro está animado com uma nova candidatura a governador de Pernambuco em 2018. O Palácio do Campo das Princesas avalia que Armando é o melhor adversário para enfrentar Paulo Câmara, pois o governador já conhece suas virtudes e seus defeitos numa campanha eleitoral.

RÁPIDAS

Thiago Rangel – Candidato a vereador de Jaboatão dos Guararapes em 2016, quando obteve boa votação pelo PSD, Thiago Rangel assumiu recentemente a chefia de gabinete do deputado Rodrigo Novaes na Alepe.

Carnes – O escândalo envolvendo a JBS e a BRF responsáveis pela venda de carnes estragadas para a população em operação deflagrada pela Polícia Federal pode ser apenas a ponta do iceberg para um esquema envolvendo o BNDES das mesmas proporções que deram espaço para a Operação Lava-Jato.

Inocente quer saber – Após ser condenado em julho, Lula ainda poderá ser candidato a presidente?

Sobre Edmar Lyra
Jornalista político, editor do Blog Edmar Lyra.

1 Comentário on Coluna do blog deste sábado

  1. Oi! Já estás condenando Lula? Baseado em que provas?. As dezenas de testemunhas inocentaram Lula, o processo sobre obstrução foi reduzido a pó pós depoimento de Lula e o processo sobre a Guarda do acervo foi solicitado o arquivamento pelo o MPF. Só se for o teu DNA da Arena onde o autoritarismo corre no sangue.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*